sexta-feira, 25 de março de 2011

Solteiro literário


Estou sem absolutamente nada para ler (digo, leitura de download, como brinco, aquelas para descontrair e descarregar tensão).
Pior: fiquei vários minutos olhando a preteleira da livraria e nenhuma inspiração... nenhum livro olhou para mim, deu uma piscadela, e me pediu para levá-lo para casa.
Leitura é assim; uma relação de amor. Escolhemos um livro entre tantos, botamos debaixo do braço, levamos para casa, depois para o quarto e degustamos.
Ou seja, no momento, sou um "single" literário.

Um comentário: